Carta aberta do Instituto Geológico rejeita fusão e tentativa de venda

Manifesto de servidores contesta também decisões “tomadas de forma unilateral e autoritária” pela Secretaria do Meio Ambiente de SP


MAURÍCIO TUFFANI,
Editor

Em reação às reportagens “Secretaria ambiental de SP quer unificar seus três institutos de pesquisa” e “Secretário de Alckmin tentou vender com ‘risco inaceitável’ sede de órgão de pesquisa”, ambas publicadas por Direto da Ciência no domingo (30/jul), servidores do Instituto Geológico (IG) elaboraram na quarta-feira uma carta aberta posicionando-se contra as iniciativas da Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo (SMA) relatadas nessas matérias.

Após apresentar um histórico da mudança da sede do IG e dos percalços enfrentados na reforma do imóvel da sede do instituto, o documento aponta não só inconsistências na desistência da conclusão das obras em curso, mas também prejuízos previstos para essa decisão por parte do secretário estadual Ricardo Salles. A carta aberta afirma também:

Já existem recursos para a contratação das reformas e adequações necessárias oriundos do Fundo Especial de Despesas, ou seja, recursos próprios do Instituto advindos de atividades minerárias decorrentes de pesquisas realizadas pelo nosso corpo de pesquisa.

Nas críticas às ações da atual gestão da SMA, o manifesto destaca também decisões  “tomadas de forma unilateral e autoritária”, sem consulta ao IG, como o cancelamento de convênio no valor de aproximadamente R$ 1 milhão com a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), correspondente ao financiamento da implantação do Laboratório Litoteca, para o qual o valor de contrapartida do estado era somente o pagamento dos salários dos pesquisadores envolvidos.

A carta aberta critica também a iniciativa do secretário do Meio Ambiente de unificar o IG com os outros dois institutos de pesquisa da pasta, o de Botânica e o Florestal, “com argumentos meramente de cunho financeiro, sem considerar as características e as necessidades específicas de cada uma das instituições”.

Concluindo que essas iniciativas da SMA poderão acarretar fragmentação institucional e desperdício dos recursos públicos aplicados até o momento, o manifesto finaliza afirmando:

Pelo exposto, nós, servidores do Instituto Geológico, nos posicionamos contrariamente às intenções e à forma como o atual Secretário do Meio Ambiente vem tratando o projeto de desenvolvimento estratégico da instituição, e para tanto solicitamos o apoio da sociedade civil e de todas as instituições que atuam na preservação do interesse público e do meio ambiente paulista.

Clique aqui para ler a “Carta aberta em defesa do Instituto Geológico”.

 

Outro lado

Questionada sobre o manifesto do Instituto Geológico, a Secretaria do Meio Ambiente respondeu por meio de nota de sua assessoria de imprensa transcrita na íntegra a seguir.

O projeto de unificação dos institutos Florestal, Botânico e Geológico tem como objetivo buscar sinergias administrativas até hoje não alcançadas, de forma a reduzir despesas de custeio e liberar recursos para atividade fim de pesquisa e desenvolvimento.

Os representantes das três instituições estão, neste momento, preparando um levantamento atualizado acerca das informações necessárias à tomada de decisão, bem como ao estabelecimento das medidas visando melhor e mais eficiente gestão dos recursos públicos.

Na imagem acima, fachada da sede do Instituto Geológico do Estado de São Paulo em 2014. Foto: Secretaria do Meio Ambiente/Divulgação.

Apoie o jornalismo crítico e independente de Direto da Ciência

Você acha importante o trabalho deste site? Independência e dedicação têm custo. E conteúdo exclusivo e de alta qualidade exige competência e também investimento para ser produzido. Conheça o compromisso de Direto da Ciência com essa perspectiva de trabalho jornalístico e com seus leitores. (Clique aqui para saber mais e apoiar.)


Receba avisos de posts de Direto da Ciência.

Informe seu e-mail para receber avisos. Ele não será fornecido a terceiros.

Para sua segurança, você receberá uma mensagem de confirmação. Ao abri-la, basta clicar em Confirmar, e sua inscrição já estará concluída. Você sempre poderá, se quiser, cancelar o recebimento dos avisos.


Todos os direitos reservados. Não é permitida a reprodução de conteúdos de Direto da Ciência.
Clique aqui para saber como divulgar.

Um comentários;

  1. Geroncio Rocha said:

    Todo apoio aos funcionários do Instituto Geológico. O que os dirigentes da Secretaria do Meio Ambiente estão fazendo com essa institução centenária é uma temeridade : no momento em que os organismos ambientais da própria Secretaria se mobilizam e se unem na execução do mais importante projeto ambiental do Estado, uma autoridade toma decisão arbitrária em prejuízo do IG.
    Gerôncio Rocha, geólogo.

*

Top