Boletim de Notícias: Novo satélite mostra desmatamento que na Amazônia é maior

MAURÍCIO TUFFANI,
Editor

Em dezembro de 2017, quando foram registrados 9 km2 de desmatamentos na Floresta Amazônica brasileira, o satélite Sentinel-1 da Agência Espacial Europeia (ESA) detectou 184 km2, segundo o Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon). A informação foi publicada nesta quinta-feira com exclusividade pelo jornalista Bruno D. Calixto na reportagem “Novo satélite mostra que desmatamento na Amazônia é maior do que o imaginado”, para O Globo.

Além das notícias sobre o avanço do número de casos sobre a febre amarela, foram publicados também importantes artigos e reportagens sobre aspectos científicos e políticos da expansão da doença no Brasil. Confira nas matérias com títulos destacados em negrito vermelho.

A seguir, os títulos e links das principais matérias sobre ciência, meio ambiente e ensino superior desde nossa edição de ontem.

Boa leitura.

Na imagem acima, área degradada no município de Colniza, noroeste do Mato Grosso. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil.

Agência Fapesp

Agência Fiocruz de Notícias

Amazônia Real

BBC Brasil

For Better Science

Blog do Pedlowski

Carbon Brief

Copy, Shake and Paste

Deusche Welle

O Eco

Encontro

Envolverde

Época

Estadão (O Estado de S. Paulo)

Folha.com (Folha de S.Paulo)

Gazeta do Povo (Curitiba)

G1

O Globo

The Guardian

InforMMA

Inside Climate News

Jornal da Ciência (SBPC)

Nature News

New Scientist

The New York Times

Observatório do Clima

Retraction Watch

The Scholarly Kitchen

SciELO em Perspectiva

Science

ScienceBlogs Brasil

Scientific American

Scientific American Brasil

UOL

Valor Econômico

The Washington Post

 


Você acha importante o trabalho deste site?

Independência e dedicação têm custo. E conteúdo exclusivo e de alta qualidade exige competência e também investimento para ser produzido. Conheça o compromisso de Direto da Ciência com essa perspectiva de trabalho jornalístico e com seus leitores. (Clique aqui para saber mais e apoiar.)


Receba avisos de posts de Direto da Ciência.

Informe seu e-mail para receber avisos. Ele não será fornecido a terceiros.

Para sua segurança, você receberá uma mensagem de confirmação. Ao abri-la, basta clicar em Confirmar, e sua inscrição já estará concluída. Você sempre poderá, se quiser, cancelar o recebimento dos avisos.


Todos os direitos reservados. Não é permitida a reprodução de conteúdos de Direto da Ciência.
Clique aqui para saber como divulgar.

Top