Arquivos por tag: Ricardo Magnus Osório Galvão

Áreas de alertas de desmatamento na Amazônia crescem 278% em julho

Áreas de alertas de desmatamento na Amazônia crescem 278% em julho

Números do sistema Deter-B do Inpe apontam 2.254,9 km², mais que o triplo dos 596,6 km² registrados para o mesmo mês em 2018 – MAURÍCIO TUFFANI, Editor Terça-feira, 6 de agosto de 2019, 9h55. O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) atualizou os dados de alertas de desmatamento, completando os dados para julho deste ano,

Escolha de novo diretor do Inpe depende de comitê de busca e lista tríplice

Após decidir sobre diretor interino, ministro Marcos Pontes deve escolher cinco especialistas para compor comitê. – MAURÍCIO TUFFANI, Editor Sábado, 3 de agosto de 2019, 12h45. Ao anunciar ontem, sexta-feira, por meio de nota oficial a demissão de Ricardo Galvão, o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) afirmou que a “escolha do novo

Nota da Coalizão Ciência e Sociedade sobre as reiteradas ofensivas ao Inpe

Grupo de cientistas endossa dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais e condena exoneração de seu diretor. – COALIZÃO CIÊNCIA E SOCIEDADE, especial para Direto da Ciência.* Sexta-feira, 2 de agosto de 2019, 13h41. A Coalizão Ciência e Sociedade, integrada por 65 pesquisadores de instituições de todas as regiões brasileiras, vem, mais uma vez, expressar

Senhor Presidente: a boa ciência sempre prevalece

Em carta a Jair Bolsonaro, 56 cientistas defendem integridade dos dados de desmatamento do Inpe – COALIZÃO CIÊNCIA E SOCIEDADE*, especial para Direto da Ciência.** Segunda-feira, 22 de julho de 2019, 13h40. O presidente Jair Bolsonaro, seguindo exemplo anterior de outros membros de seu governo, por meio de declarações sucessivas, inconsequentes e inconsistentes, questionou o

SBPC defende Inpe de ataque ‘ideológico’ e ‘sem fundamento’ de Bolsonaro

Acusações do presidente ao instituto “são ofensivas, inaceitáveis e lesivas ao conhecimento científico”, afirma a entidade em manifesto. – MAURÍCIO TUFFANI, Editor Domingo, 21 de julho de 2019, 16h00. Dois dias após o presidente Jair Bolsonaro acusar de serem “mentirosos” os dados sobre desmatamento da Amazônia produzidos pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o

Brasileiro ganha prêmio mais importante da meteorologia mundial

Antonio Divino Moura, diretor do CPTEC, do Inpe, é o primeiro no Brasil a receber premiação estabelecida em 1955 MAURÍCIO TUFFANI, Editor – O engenheiro Antonio Divino Moura, coordenador do Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), do Inpe, foi escolhido pela Organização Meteorológica Mundial (WMO), das Nações Unidas, para receber o principal

Top